Devo amar o que faço ou fazer o que amo?

Muitas pessoas se sentem presas ao trabalho atual, fazendo atividades que não lhes dão prazer, pela necessidade financeira que todos nós temos. A ideia de viver fazendo apenas o que se ama é atraente e falsa. Mesmo as pessoas que trabalham com atividades prazerosas pra si, também encontram dissabores ao longo da vida profissional. É importante ser realista para buscar um trabalho que permita crescimento profissional e financeiro, aliado há um ambiente de trabalho saudável e a possibilidade de aproveitar a vida pessoal, familiar e social.

Cada vez mais as pessoas prezam por manter uma vida mais feliz, com hábitos mais saudáveis, na companhia da família e dos amigos, por isso ser feliz no trabalho também é tão importante.

Identifique o que causa insatisfação em relação ao seu trabalho atual: Algum problema com colegas? Com o chefe? Com a rotina? Ou alguma atividade específica? O seu trabalho vai de encontro ao seu propósito de vida?

Veja algumas dicas que podem te ajudar a resolver esse conflito:

#1-Propósito:• O que você faz bem e com naturalidade?
• É possível crescer profissional e financeiramente fazendo o que você ama?

#2-Carreira:
• É importante conhecer a diferença entre profissão e carreira, exemplo: profissão de médico e carreira de cardiologista.
• A sua carreira atual está de acordo com a sua profissão? Ou ao que você escolheu fazer?

#3-Gestão:
• Se você já trabalha com o que gosta, então pontue os problemas que causam insatisfação e comece a resolver.
• Se não, comece a pensar na possibilidade de mudança de carreira. Embora não seja fácil, é possível, especialmente se você contar com a ajuda de um coach ou mentor.
• Auto responsabilidade: Manter a felicidade no trabalho depende de um conjunto de atitudes frente aos problemas que eventualmente ocorrem, como a convivência com colegas e as pressões. Como você se posiciona em relação a tudo isso é que verdadeiramente faz a diferença.

O trabalho ocupa uma grande parte da nossa vida, é dele que mantemos financeiramente as outras áreas, mas focar somente nisso, gera muita pressão. Todas as áreas da nossa vida estão integradas, uma afeta a outra, por isso leve a vida leve, mantenha atividades de lazer, cuide da saúde e evite excessos, especialmente aqueles do trabalho.

Post publicado no Portal Administradores por Ana Marina.

Deixe o seu comentário aqui embaixo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s