A diferença entre o plano e o modelo de negócio

A diferença entre o plano e o modelo de negócio

A primeira preocupação de toda pessoa que está com uma nova ideia é saber como ela pode estruturá-la de modo que outras pessoas também entendem, sem deixar passar nenhuma informação relevante. Dentro das centenas de métodos sobre empreendedorismo, dois se destacam como ferramentas essencial: Plano de Negócio e Modelo de Negócio.

O Plano de Negócio

O Plano de Negócio (também conhecido como Business Plan) é o método mais tradicional usado há dezenas de anos para explicar novas empresas. Normalmente, é um arquivo em Word/PDF que descree extensamente todas as áreas do negócio, como:
a) Descrição dos Produtos e Serviços b) Análise da Concorrência c) Estratégia de Marketing d) Segmento de Clientes e) Distribuição Societária f) Classificação Tributária g) Estrutura Organizacional h) Projeção Financeira e de Retorno

Tipicamente, a pesquisa envolvida na elaboração desses documentos é cara e demorada, mas os planos de negócios são demandados para serem avaliados por bancas por incubadoras, investidores e algumas instituições de fomento.
Um último ponto a se notar é que os Planos de Negócios são feitos a partir da ideia de negócio, muitas vezes associadas às capacidades técnicas do empreendedor. Ou seja, todo o plano é feito para “provar” que aquela ideia é viável em termos de mercado e financeiro.

O Modelo de Negócio

Já o Modelo de Negócio (também conhecido como Business Model) é uma ferramenta nova desenvolvida pelo consultor Alexander Osterwalder em 2008. Ela foi criada de maneira colaborativa com mais de 400 empreendedores. Seu objetivo é criar uma maneira visualmente simples para que se entenda o funcionamento de negócio e alinhe-se as expectativas de todos os envolvidos. Os 9 campos do quadro (Canvas) são e devem ser preenchidos na seguinte ordem:
a) Segmento de Clientes b) Oferta de Valor c) Canais d) Relacionamento e) Fontes de Receita f) Recursos Chave g) Atividades Chave h) Parcerias Chave i) Estrutura de Custo

 

O Modelo de Negócio tem sido cada vez mais aceito no mercado, pois ele é uma ferramenta mais adequada para novas empresas que ainda possuem um alto grau de incerteza sobre o seu negócio e permite que novos testes e hipóteses sejam vislumbrados. Aqui a premissa é que você acredita que existe um problema no mercado, mas está longe de saber como resolvê-lo, ou até mesmo se esse é o mercado correto.

As diferenças entre as Ferramentas

Logicamente, já deu para perceber que são ferramentas diferentes em muitos aspectos, mas similares em outras. Vamos resumir essa comparação do quadro abaixo:

Por fim, como podemos perceber, ambas as ferramentas são válidas e interessantes na hora de estruturar o seu negócio. Enquanto uma aprofunda mais dados e demonstra um caminho que pode ser explicado para outros, a outra é mais flexível e permite outras visões ajudando mais na implementação da proposta e discussão entre sócios/funcionários.
Este post esclareceu o tema? A LUZ desenvolve ferramentas de gestão para empresas incluindo Plano de Negócio e Modelo de Negócio. Clicando aqui você vai poder se inscrever para receber uma ferramenta gratuita por semana e ver os nossos produtos relacionados a esse post!

Post publicado no Portal Administradores pela Publieditorial.

Se gostou, deixe o seu comentário!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s